Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Para criança, um presente mais barato | Instituto de Educação Financeira

Finanças Pessoais, Notícias

Para criança, um presente mais barato

Para celebrar o Dia das Crianças em 2011, 43% gastaram acima de R$ 100 – neste ano, essa fatia encolheu para 27%

Pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) indica que 71% dos consumidores pretendem comprar presentes para o Dia das Crianças, em 12 de outubro. Quase dois terços dos entrevistados (65%) planejam gastar tanto ou mais do que no ano passado, apesar de 57% observarem que os produtos estão mais caros neste ano.

Daí a escolha por agrados mais baratos para se manter dentro do orçamento. No Dia das Crianças de 2011, 43% dos consumidores gastaram acima de R$ 100. Neste ano, apenas 27% estão prontos para desembolsar valor semelhante.

Os presentes vão custar até R$ 50, segundo 35% dos entrevistados (em 2011, 22% escolheram essa faixa de preço). E entre R$ 50 e R$ 100, para 25% dos consumidores (19% optaram por esse valor em 2011).

Em relação à quantidade de produtos, 26% vão comprar um presente; 24%, dois; 15%, três; e 27%, quatro ou mais. Pais (39%) e tios (34%) são os principais compradores. Feita pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) com 919 consumidores de todas as capitais do país, a pesquisa mostra que, em relação a 2011, a situação financeira continua a mesma para 43% dos entrevistados e, para outros 43%, melhorou, porque houve aumento da renda ou segurança no emprego. Para 12%, piorou.

Roupas (31%), bonecas (22%), calçados (13%) e carrinhos de controle remoto (12%) são as opções preferidas deste ano, o que repete as escolhas feitas em 2011. Entre os consumidores das classes A e B, 53% pretendem comprar em shopping centers, enquanto 45% dos entrevistados das classes C e D preferem as lojas de rua.

Mais de 80% estão dispostos a comprar os presentes à vista. Essas compras serão feitas especialmente com dinheiro (63% das respostas). Em segundo lugar (12%), está o pagamento com cartão de crédito em uma única parcela.

A data de 12 de outubro, segundo a Confederação nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL), é tão expressiva para o comércio quanto o Dia dos Namorados, em 12 de junho. A CNDL prevê aumento de 6,5% nas vendas do Dia das Crianças deste ano, em relação à data de 2011. Os comerciantes aguardam uma demanda maior nas lojas no próximo fim de semana, que antecede a comemoração.

Já no comércio eletrônico, a previsão é de aumento de 20% nas vendas do Dia das Crianças, para R$ 855 milhões, segundo a consultoria e-bit. Em 2011, a data movimentou R$ 713 milhões na internet, o que representou um avanço de 16% sobre o ano anterior.

Do Portal Valor Econômico
Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado