Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Pais têm dificuldades de falar sobre dinheiro com os filhos | Instituto de Educação Financeira

Finanças Pessoais, Notícias

Pais têm dificuldades de falar sobre dinheiro com os filhos

Do Portal Infomoney

Conversar com os filhos sobre os mais diversos assuntos é algo bastante comum nos dias de hoje. Entetanto, por mais que pareça estranho, ainda é muito difícil para os pais falarem sobre dinheiro com os filhos.

Nos Estados Unidos, uma pesquisa mostrou que para a maioria dos pais era mais fácil falar sobre drogas com os filhos do que sobre finanças. E no Brasil, segundo especialistas, o quadro não é muito diferente.

Apesar de parecer uma coisa simples, assuntos que envolvem dinheiro e finanças não costumam entrar na pauta das reuniões familiares. Para o especialista do MoneyFit, André Massaro, a falta de diálogo acontece porque os próprios pais têm dificuldades de lidar com o orçamento e por isso se sentem pouco à vontade em conversar sobre isso com os filhos. ”Normalmente os pais têm problemas financeiros e não conseguem cuidar do orçamento da maneira correta. Por isso fica mais difícil conversar sobre o assunto com as crianças”, aponta.

Importância do diálogo

Os especialistas são unânimes em ressaltar a importância deste tipo de diálogo entre pais e filhos. “É fundamental  para prevenir verdadeiras catástrofes que podem ocorrer na vida das pessoas. O endividamento exagerado durante toda a vida e uma terceira idade com muitas dificuldades financeiras são algumas das consequências mais prováveis da falta de diálogo e de educação financeira nas famílias”, afirma o educador financeiro e fundador do Centro de Estudos e Formação de Patrimônio Calil & Calil, Mauro Calil.

O especialista do MoneyFit tem a mesma opinião. “Conversar com os filhos sobre dinheiro e finanças é de total importância para que essas crianças não se tornem incapazes de gerir os recursos, como muitas vezes acontece com seus pais, e não se tornem devedores crônicos”, diz Massaro.

Segundo Calil, um dos maiores problemas é quando os pais escondem dos filhos os problemas financeiros da família ou não mostram como foi difícil adquirir determinado bem. “Os pais costumam chegar com o carro novo, mas não mostram para os filhos o financiamento nem as dificuldades de pagar aquele veículo”, afirma o educador.

Para ele, este tipo de comportamento faz com que as crianças não saibam das dificuldades enfrentadas pelos pais e não se acostumem com este tipo de problema. “Eles vão viajar, mas não mostram o rotativo do cartão de crédito usado para pagar as férias em família. Os pais devem jogar aberto com os filhos”, ressalta Calil.

Desde pequenos

Para Calil, os pais devem ressaltar a importância do uso adequado do dinheiro para os filhos desde cedo, quando eles começam a fazer as primeiras brincadeiras.

“As crianças podem ir aprendendo gradualmente a importância de cuidar do dinheiro. Com o passar dos anos, os pais vão mostrando como comprar um produto, como calcular o troco de uma pequena compra, e elas vão aprendendo a lidar com o dinheiro”, afirma o educador.

Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado