Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Minha simples vida moderna | Instituto de Educação Financeira

Finanças Pessoais

Minha simples vida moderna

Em vez do consumo desenfreado, um dia a dia sem desperdícios. Conheça histórias de profissionais que trouxeram a educação financeira para o cotidiano, mas não abrem mão de investir no que realmente gostam.

“Não quero luxo nem lixo, quero saúde para gozar no final”, repete Rita Lee no refrão da música Nem luxo, nem lixo. Assim como ela, muitas pessoas embora tenham condições de viver de forma mais confortável, com direito a supérfluos, preferem a simplicidade de gastos mais controlados. Isso não quer dizer que são sovinas, mas que gastam conscientemente, quando há necessidade.

De acordo com especialistas em educação financeira, esse comportamento não é prejudicial quando o indivíduo não chega ao extremo de se privar dos sonhos para não ter que gastar.

(…)

De acordo com Jurandir Sell Macedo Jr., consultor de finanças pessoais do Itaú Unibanco e professor da Universidade Federal de Santa Catarina, existem dois problemas financeiros muito comuns quando o assunto é a relação entre o dinheiro ganho e os gastos não obrigatórios: poupar muito e morrer cedo ou poupar pouco e demorar para morrer. “Quem poupa muito não aproveita e quem quase não poupa aproveita até demais”, explica. Ele observa que nem todas as pessoas gostam de coisas caras e sofisticadas. O mais importante na verdade, é que cada um faça o que goste, sem se privar muito. “Viver com muito pouco me parece errado pois a pessoa trabalha muito para ter o dinheiro, mas não o usufrui”, acredita.

Leia a matéria do Correio Braziliense na íntegra em PDF

http://3.bp.blogspot.com/-tQja9-SASE0/UD1yWrXGg5I/AAAAAAAABDI/fiynrzt-1_8/s640/equilibrio.jpg

Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado