Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Infidelidade financeira: um em cada quatro americanos esconde dívidas da esposa ou marido | Instituto de Educação Financeira

Finanças Pessoais, Notícias

Infidelidade financeira: um em cada quatro americanos esconde dívidas da esposa ou marido

Desentendimentos envolvendo dinheiro estão entre as principais causas de divórcio

Um em cada quatro americanos não contaria nada à esposa ou marido se estivesse passando por dificuldades financeiras, revela pesquisa realizada pela instituição norte-americana National Foundation for Credit Counseling (NFCC),que entrevistou 1,4 mil pessoas em setembro.

O temor de que a notícia preocupe desnecessariamente o (a) parceiro (a) e a possibilidade de prejudicar o relacionamento são duas das principais razões que levam os americanos a esconder dívidas e problemas envolvendo dinheiro. A falta de conhecimento do cônjuge sobre as dívidas também é apontada como uma das razões para não tocar no assunto em casa.

“Mesmo que a intenção seja boa, esconder informações financeiras do marido ou esposa é um sinal de que o relacionamento não é saudável nem emocional, nem financeiramente. E os registros comprovam que o estresse financeiro é uma das principais causas de divórcio nos Estados Unidos, disse Gail Cunningham, porta-voz do NFCC, em entrevista ao iG.

Desentendimentos aumentam quando a renda cai

Ainda que seja complicado falar sobre o tema, avalia Gail, conversar de maneira aberta e honesta sobre dinheiro é algo que deve ser feito o quanto antes entre um casal, sobretudo se o relacionamento ainda não foi oficializado.

”As pessoas costumam trazer uma bagagem financeira para seus relacionamentos que não entram em pauta até que algum problema mais grave apareça. Se os dois não têm o mesmo nível de informação sobre as finanças do casal, é certo que haverá desentendimentos. Principalmente se a renda, por alguma razão, diminuir”, afirma Gail.

Veja algumas dicas do NFCC para abordar questões financeiras com seu/sua parceiro(a):

- Não discuta problemas financeiros durante uma briga. Escolha o momento mais adequado e, com tranqüilidade, aborde a questão;

- Procure conversar de maneira informal para compensar a seriedade do tema. Lembre-se de que as opiniões e preocupações de seu marido ou esposa são válidas;

- Seja honesto (a) sobre sua situação financeira. Se você tem dívidas ou tem uma renda menor, é preciso admitir o fato de que manter o estilo de vida anterior não é possível;

- Esteja aberto (a) para ajustar seu padrão de vida. Se for preciso, corte despesas, trabalhe mais ou encontre uma fonte de renda extra;

- Não esconda dívidas ou receitas. Isso é o que se chama de infidelidade financeira. Ao invés de adotar essa postura, compartilhe documentos como extratos bancários, faturas de cartões de crédito e carnês de prestações a serem pagas;

- Não jogue a culpa no outro. Isso não vai ajudar em nada;

- Assuma que as pessoas lidam com dinheiro de maneiras diferentes. Entenda o seu perfil e o de seu parceiro e aprenda o que ele/ela faz melhor que você, como economizar ou investir melhor o dinheiro.

Do Portal IG

 

Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado