Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Férias sem desperdício: planejamento é o segredo para viagens tranquilas | Instituto de Educação Financeira

Finanças Pessoais, Notícias

Férias sem desperdício: planejamento é o segredo para viagens tranquilas

Atender aos seus melhores objetivos de qualidade de vida nas férias – como lazer e diversão – com tranquilidade e sem passar aperto é privilégio de quem faz planejamento financeiro. A opinião é do educador e planejador financeiro Marcos Silvestre.

Os cuidados com as finanças devem começar antes mesmo de você arrumar as malas… e só terminam quando as únicas lembranças do passeio forem as fotos e lembrancinhas e não as faturas do cartão de crédito.

Atenção a algumas dicas e “boa viagem”!

Top 10 da economia nas férias

1 – Planejamento – programe as viagens com antecedência para pegar promoções e planejar com tranquilidade o passeio.

2 – Moeda – Comprar moeda com antecedência e usar os cartões pré-pagos de viagem são formas de evitar que as mudanças no câmbio prejudiquem o orçamento do passeio. Se houver necessidade de trocar dinheiro durante a viagem, evite casas de câmbio de hotéis e aeroportos, que não têm boas taxas.

3 – Horários alternativos – Viajar de avião em horários alternativos, como durante a madrugada, por exemplo, é mais barato, pois as companhias aéreas costumam fazer promoções em horários de pouca procura.

4 – De carro - nas viagens de carro, considere gastos com combustível, pedágio e manutenção do carro (principalmente antes de pegar a estrada), que podem impactar diretamente nos custos do passeio.

5 – Suas contas – planeje o pagamento das suas contas, seja colocando em débito automático, seja programando o pagamento. Assim você evita encargos e surpresas desagradáveis na volta do passeio.

6 – Alimentação – na hora das refeições, peça sugestões para as pessoas que moram no local. Elas conhecem bons lugares e, normalmente, a preços bem mais em conta do que aqueles voltados para turistas.

7 – Presentes – na hora de comprar lembrancinhas, evite lojas de hotéis ou aquelas localizadas em locais de grande circulação de turistas, pois elas são normalmente mais caras. Busque estabelecimentos alternativos.

8 – Transporte – ao usar o transporte público local, informe-se sobre bilhetes múltiplos, que permitem várias viagens, troca de veículos etc. Normalmente eles são bem mais baratos do que as passagens unitárias.

9 – Na ponta do lápis – além do diário de viagem com suas experiências, faça um diário financeiro, anotando todos os seus gastos, para evitar extrapolar o orçamento.

10 – Aproveite – apesar da necessidade de economizar, não deixe de conhecer determinado lugar ou de jantar em determinado restaurante só porque ele é mais caro do que você está acostumado. Lembre-se: você está de férias! Planejando cada gasto é possível curtir o passeio, sem abrir mão de certas extravagâncias!

Qualidade plena, e não imediata

Segundo Silvestre, quem soube planejar o orçamento a ser gasto nas férias de julho tem mais é que aproveitar e curtir muito, “sem medo de ser feliz”.

“Quem não o fez, se não quiser garantir seu lazer apelando para as dívidas, ou deixando de poupar para importantes sonhos futuros, o que é tão ruim quanto, talvez deva se planejar para as férias da virada 2011/2012”, indica.

“A qualidade de vida que se deve perseguir para ser feliz não é apenas a imediata, ou seja, realizar-se hoje a qualquer custo, mas a qualidade de vida plena, quer dizer, buscar ser feliz hoje sem comprometer sua felicidade e realização também no amanhã. E nisso o planejamento financeiro pode sempre ajudar muito”, finaliza.

Do Portal Infomoney
Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado