Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Especialistas dizem como proteger patrimônio durante turbulência econômica | Instituto de Educação Financeira

Bolsa de Valores, Notícias

Especialistas dizem como proteger patrimônio durante turbulência econômica

Correio_BrazilienseA inflação foi implacável com os investidores no primeiro semestre do ano. Bateu praticamente todos os produtos financeiros e deixou no vermelho milhares de brasileiros. Quase ninguém venceu a carestia e as turbulências causadas pela desconfiança com o crescimento do país e a condução da economia.

O rastro de prejuízos se estende desde a tradicional caderneta de poupança ao mercado de ações. Para a segunda etapa do ano, não há garantia de ventos melhores, e o momento é de buscar estratégias que amenizem os danos e permitam, se não algum lucro, ao menos a manutenção do patrimônio.

Em meio a esse cenário que beira a crise, o Correio fez uma radiografia das opções disponíveis ao poupador, oferecendo ainda orientações de profissionais para quem deseja investir.  O mais importante, segundo especialistas, é não entrar em desespero. Investir envolve riscos e é natural sofrer perdas no meio do caminho. Por isso, defina estratégias, prazos e metas, coloque tudo no papel e converse com um profissional qualificado. Disciplina e sangue frio são também características determinantes.

“Cada aplicação é adequada para um objetivo diferente. A bolsa está horrível este ano, mas quem investiu ao longo do tempo, desde a década de 1970, ganhou rios de dinheiro”, observa Jurandir Macedo Sell, professor de finanças pessoais da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e consultor do Itaú Unibanco.

Leia nos links abaixo o especial completo do Correio Brasiliense:

Poupança pode mudar

Como proteger seu patrimônio na crise

Investi e a bolsa caiu. E agora?

como_proteger_patrimônio

Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado