Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
Dias dos pais com um presente financeiramente sustentável. Por que não? | Instituto de Educação Financeira

Artigos, Finanças Pessoais

Dias dos pais com um presente financeiramente sustentável. Por que não?

por Celina Macedo.

Segundo uma lenda grega, o dia dos pais tem origem na antiga Babilônia. Há mais de quatro mil anos, um jovem chamado Elmesu moldou e esculpiu um cartão feito de argila desejando sorte, saúde e longa vida a seu pai.

A data fixa no calendário, entretanto, surgiu pela primeira vez em 1924. A ideia de celebrar o dia partiu da filha de um veterano da Guerra Civil dos Estados Unidos, John Bruce Dodd.  Natural de Washington, Sonora Louise Dodd, queria homenagear o pai que criou sozinho os seis filhos após a morte da esposa, que faleceu ao dar a luz ao caçula.

No Brasil, a data foi importada pelo publicitário Sylvio Bhering, em 1953. Desde então, comemoramos esse dia todo segundo domingo de agosto.

Apesar do cunho comercial que maioria das datas comemorativas adquiriu, é importante que pais e filhos entendam que esse dia surgiu para aumentar os laços afetivos. O presente é apenas um símbolo e não precisa necessariamente ser comprado.

Assim como o jovem da Antiga Babilônia, neste domingo os filhos podem produzir o próprio presente para o pai. Com certeza ele dará muito valor. E o filho, da mesma forma, sentirá orgulho ao entregar algo feito por ele mesmo.

A escola também pode contribuir, se os professores incentivarem essa produção. Além de estimular a criatividade da criança, passam a mensagem de que o que realmente importa neste dia é o sentimento de amor e carinho.

Antes de se preocupar em gastar com presente, que tal dar um passeio de bicicleta com o seu pai ou preparar uma comida especial para ele?

O maior presente que podemos dar ao pai é estar com ele. Mas há filhos que querem agradá-lo comprando algo que percebem que o pai quer ou precisa.

Para esses filhos, vão algumas dicas:

  1. Antes de sair de casa, planeje o que comprar com antecedência. Calcule o quanto pode gastar sem precisar usar crédito.
  2. Faça uma pesquisa de preço com calma. Não deixe para o último dia!
  3. Quando encontrar o presente certo, reveja o seu planejamento inicial. Se tudo está de acordo, pague à vista.
  4. Não se esqueça de pedir desconto. Quando o pagamento é em dinheiro, normalmente fica mais fácil de pechinchar.

Dessa forma, você irá comprar algo para o seu pai fazendo o uso consciente do seu dinheiro!

Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado