Warning: preg_match() [function.preg-match]: Unknown modifier 't' in /home/edufinan/public_html/wp-content/plugins/mobile-website-builder-for-wordpress-by-dudamobile/dudamobile.php on line 603
As melhores opções para investir seu dinheiro em tempos de crise | Instituto de Educação Financeira

Finanças Pessoais, Notícias

As melhores opções para investir seu dinheiro em tempos de crise

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) está em recuperação – fechou janeiro com alta de 11,1% e subiu mais de 2% na quarta-feira-, o Banco Central anunciou que pretende cortar os juros para a casa de um dígito, mas as incertezas quanto à crise da dívida europeia, à recuperação americana e à desaceleração da economia chinesa ainda dificultam a vida de investidores. Nesse cenário confuso, o Globo preparou um guia de investimentos para explicar como funciona cada produto financeiro disponível para pessoa física. Há opções para investidores arrojados em busca de alto risco e muito retorno e para conservadores que procuram alternativa à caderneta de poupança.

A regra geral é distribuir as economias em vários tipos de investimentos. Antes de tudo, o investidor precisa saber o que pretende fazer com rendimentos financeiros. Vai ser utilizado para emergência, aposentadoria ou sonho de consumo? O professor Jurandir Sell Macedo, especialista em finanças comportamentais da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), recomenda uma estratégia diferente para cada objetivo.

Se a intenção é se preparar para gastos emergenciais, Jurandir Macedo diz que vale poupar pelo menos o triplo do gasto mensal para uma pessoa sem filhos. Se for uma família com crianças para sustentar, o professor recomenda guardar até nove vezes o valor do gasto mensal. O objetivo é prevenir contingências como a perda de emprego ou problemas de saúde. Esse tipo de economia deve estar sempre disponível para saque, então ele indica a aplicação em caderneta de poupança ou em fundo DI. Mas, em busca de segurança, outros especialistas sugerem o investimento direto em títulos públicos do Tesouro Nacional, como Letra Financeira do Tesouro (LFT) ou Nota do Tesouro Nacional da série B (NTN-B).

Se o objetivo é poupar para aposentadoria ou para financiar bens materiais, vale correr mais riscos e aplicar em ações ou fundos de investimento de renda variável, na visão da maioria dos especialistas. Só que é preciso lembrar que o mercado de ações vive de altos e baixos, então é preciso escolher bem a carteira.

— O mercado de ações encontrará dificuldades de gerar excelentes ganhos porque a crise financeira mundial está mais grave que no triênio 2009-2011 — diz o diretor da gestora Inva Capital, Luciano D’Agostini.

Se a intenção é escapar de eventual prejuízo, a maioria dos especialistas recomenda ficar longe de fundos cambiais, ou seja, aqueles que esperam valorização de dólar ou euro, ou de derivativos dessas moedas.

— Fundo cambial implica em muita volatilidade e pouco retorno — diz o diretor de investimento do banco Bradesco, Marcos Daré.

Do Portal O Globo
Veja Também:

Como Investir em 2012

Conheça os principais termos do mercado financeiro

Como aplicar em cada investimento

 

Você gostou deste artigo? Compartilhe:

Deixe seu recado